in

Ambev ensina como fazer máscara com garrafa PET

A Ambev está trabalhando com diversas ações, que visam ajudar o país nesse momento de enfrentamento a pandemia do Covid19. Recentemente o uso de máscaras foi recomentado pela Ministério da Saúde, como uma das formas de prevenção ao coronavírus. A indicação é que a população use máscaras de pano, pois as máscaras medicas estão escassez no mercado e é necessário que essas sejam reservadas para os profissionais da saúde. Uma outra opção de máscara também muito usada pelos profissionais são aquelas para proteção do rosto todo e a Ambev ensina como fazer essas máscaras com garrafa PET.

Ajude um Buteco: ação da Bohemia para ajudar bares a superar a crise

A proteção do rosto é uma das principais formas para ajudar na prevenção da Covid-19, então a Ambev vai fabricar 3 milhões de máscaras do tipo face shield, que cobrem o rosto todo, e doar para profissionais de saúde do país. A produção será realizada a partir do PET, mesmo material utilizado em suas embalagens do refrigerante Guaraná Antarctica. Segundo a empresa essa quantidade seria o suficiente para atender cada profissional de saúde do Brasil, considerando o número de 3 milhões de profissionais cadastrados oficialmente no Datasus (Departamento de informática do Sistema Único de Saúde do Brasil).

Mas a meta da Ambev vai ainda mais além, a marca, está compartilhando o projeto das máscaras face shield para que outras empresas também possam trabalhar nessa iniciativa, produzindo mais máscaras para combater o coronavírus e proteger heróis da saúde.

A Ambev criou e disponibilizou um passo-a-passo com todas as informações de estruturas e materiais necessários para a produção dessa máscara com garrafa PET, ou melhor, com o mesmo material de garrafas PET. O material está disponível para download neste link.

Outras iniciativas da Ambev no combate ao Covid-19

Entre elas está a produção de 1 milhão de unidades de álcool gel em embalagens de 237ml. As primeiras 500 mil unidades foram distribuídas em hospitais públicos nas áreas mais afetadas das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, conforme orientação das secretarias de saúde. Outras 500 mil unidades estão sendo feitas para atender todas as Unidades Federativas do país.

Em parceria com a Prefeitura de São Paulo, a Gerdau e o Hospital Albert Einstein, a Ambev também está ampliando em 100 leitos o Hospital do M’boi Mirim, em São Paulo. Dos 100 leitos, 40 serão entregues em 20 dias, e os outros 60 leitos em 40 dias. E esses leitos depois ficarão para a rede pública paulista.

Além dessas a Ambev já colocou em prática várias outras ações para ajudar nesse enfrentamento ao coronavírus. Todas elas você pode conferir aqui: ambev.com.br/juntosadistancia 

Deixe uma resposta

O QUE VOCÊ ACHOU?

Escrito por Ana Paula Komar

Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!

InicianteVisualizaçãoEscritorVotação

Oktoberfest: maior evento cervejeiro do mundo é cancelado em 2020

Garrafas de cerveja de 1880 são encontradas na Inglaterra