in

Você sabe como armazenar e conservar cerveja?

Talvez possa até parecer óbvio, mas para se preservar a qualidade da cerveja e aproveitar tudo o que ela tem a oferecer ao máximo, a maneira como deve armazenar e conservar cerveja é muito importante. O modo como a garrafa é posicionada, a incidência de luz e a temperatura podem interferir no sabor e características da cerveja.

Como armazenar e conservar cerveja?

Veja aqui algumas dicas para manter as suas cervejas sempre bem armazenadas e na temperatura ideal para servir.

Onde armazenar? – Se você não vai colocar suas garrafas imediatamente no refrigerador o ideal é que as deixe guardadas em um local de sombra, a incidência de luz pode modificar o amargor da cerveja. Isso ocorre porque o lúpulo, ingrediente responsável pelo amargor da bebida, é muito sensível a luz. Se a cerveja ficar exposta aos raios ultravioletas ou iluminação artificial, pode ocorrer reações químicas que liberarão radicais livres, afetando no sabor da bebida. Além de provocar outros problemas, como oxidação e envelhecimento da cerveja.

De pé ou deitada? – Diferente do vinho, a garrafa de cerveja não deve ser armazenada deitada, mas sim na posição vertical, de pé. Isso evita o contato com o ar, que fica na superfície, e que pode oxidar a cerveja. E também não é recomendado o contato da cerveja com a tampa. Exceto as cervejas de guarda com rolhas de cortiça, que podem ser guardadas deitadas.

Temperatura – cada estilo de cerveja pede uma temperatura diferente e a principal dica é de que quanto menos alcoólica e mais leve for o estilo da cerveja, mais fresca ela deve estar, e quanto mais alcoólica e encorpada, mais morna ela deve estar. As cervejas especiais devem ser degustadas em temperaturas que variam entre 3ºC e 15ºC. A dica é que sempre deixe suas cervejas gelando na geladeira, jamais no congelador. Se quiser conferir mais detalhes sobre a temperatura ideal para servir cada estilo de cerveja, no Blog do Clube do Malte temos um post explicando tudinho, confira aqui!

Já que entramos no assunto, aproveite e garanta as melhores cervejas artesanais, especiais e importadas em nossa loja virtual!

 

Cerveja Estraga?

Mas então a cerveja estraga? Bem, na verdade as cervejas vão sofrendo alterações com o passar do tempo. Em alguns estilos, por exemplo, os aromas e amargor do lúpulo tendem a diminuir. Já, por outro lado, existem algumas cervejas que melhoram com o tempo de repouso se tomados os devidos cuidados. Sempre manter longe de luz, guardadas em pé, em um local seco para evitar ferrugem ou mofo nas tampas e frascos. Cervejas mais alcoólicas tendem a suavizar os aromas do álcool e ganhar complexidade do malte com o passar do tempo. Também depende do tipo de fermentação, as cervejas com segunda fermentação na garrafa, ganham carbonatação e ficam mais secas, gerando, acima de tudo, maior complexidade à bebida.

Gostou das dicas? Conte pra gente aqui nos comentários!

Deixe uma resposta

O QUE VOCÊ ACHOU?

Escrito por Ana Paula Komar

Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!

InicianteVisualizaçãoEscritorVotação

Escola Superior de Cerveja e Malte libera uma bolsa de estudos por cervejaria no Brasil

Cerveja Porter, dos portos ingleses para o mundo!