in , ,

Garrafa para controlar a espuma da cerveja

Não é exatamente uma novidade, mas eu aposto que muita gente ainda não viu ou não sabe o que significa esse formato diferente no gargalo de algumas garrafas! E se eu disser que elas podem controlar a espuma da cerveja

Recentemente no blog, comentamos sobre algumas inovações tecnológicas que acercam o mundo cervejeiro e essa aqui não deixa de ser. É realmente muito satisfatório a gente ver a tecnologia sendo utilizada para melhorias na produção da cerveja. E quando eu falo da produção, estou querendo dizer desde lá, na plantação e cultivo do lúpulo, estudo de terrenos, na produção do malte e claro, da adição das mais diversas especiarias e leveduras no líquido sagrado.

Use o cupom de desconto BLOGDACERVEJA em compras acima de R$ 150,00, no site do Clube do Malte, e ganhe uma cerveja de brinde.

Os equipamentos estão cada vez mais modernos e já tem empresa criando cerveja instantânea, inclusive. Mas essa tecnologia que a gente tá falando aqui hoje não envolve super máquinas e receitas inovadoras, envolve física! E eu vou te explicar agora.

Em 2016 a empresa americana Owens Illinois desenvolveu um gargalo que permite controlar a quantidade de espuma que o bebedor vai colocar no copo! E como sabemos que algumas cervejas pedem mais espuma e outras menos, isso é incrivelmente inovador.

A ideia é bem simples (agora que a gente entendeu), quando a gente vira a garrafa para servir no copo, o ar empurra o líquido, fazendo com que ele se agite dentro da garrafa e, consequentemente, faça mais espuma na hora de servir. Já com essa base reta no gargalo, existe uma abertura maior para entrada de ar e a “movimentação” não acontece, dando o controle da quantia de espuma para quem está servindo.

Fonte imagem: guiagphr.com.br

O foco da empresa foi as cervejarias artesanais, para que pudessem proporcionar novas experiências sensoriais aos seus clientes. E a tecnologia foi chamada de “my pour” que significa meu derrame. Para quem acompanha o mercado cervejeiro desde essa época, as primeiras cervejarias a utilizarem essa inovação foram do Paraná, a von Borstel de Londrina, e a Bodebrown que segue como uma das principais cervejarias artesanais do Brasil!

Para quem tiver interesse, é só procurar por Artesanal 500, nome dado a garrafa com a tecnologia my pour. Hoje em dia diversas outras cervejarias adquiriram esse formato de garrafa para envasar suas bebidas. Quando recebemos aqui no Clube do Malte algumas garrafas com esse modelo, abrimos um debate sobre a finalidade dela, teve voto para design, para contenção de resíduos e, alguns sortudos, opinaram pela formação da espuma.

Você já sabia dessa tecnologia?

Conta aqui pra gente!

Cheers!

 

 

 

Kit Monstruoso de Halloween

Compre 17 Cervejas Especiais e Ganhe, Copo, Caneca, Abridor, Balde de Gelo e Frete Grátis*

de R$ 518,60
por R$

349,92

Comprar

* Ao clicar em comprar você será redirecionado para a página do produto em nossa loja.

Deixe uma resposta

O QUE VOCÊ ACHOU?

Escrito por Ana Paula Komar

Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!

InicianteVisualizaçãoEscritorVotação

Homem produz cerveja em seu próprio corpo

Como maturar queijo com o bagaço do malte?