Homus com cerveja Sour
in

Harmonize homus com cerveja sour

Entre notas, aromas e consistências, conhecer sua cerveja é tão importante quanto toma-la e só assim você começa a perceber algumas particularidades de cada cerveja. Porém, tão importante quanto degustar, é harmonizar. Hoje nosso foco total vai ser em fazer uma receita totalmente harmonizada com uma cerveja sour, conhecida por seu sabor azedo e o dulçor proveniente de frutas. Ou seja, para harmonizar, precisaremos fazer uma receita leve e refrescante. A pedida da vez? O homus!

O homus é uma pasta muito consumida no oriente médio, de origem árabe, sua receita original é feita com grão de bico cozido e triturado, com adição de suco de limão. Nesta versão, substituímos o suco de limão pela cerveja sour Morada CDB, garantindo muita acidez e refrescância provenientes da cerveja original, que contém características que lembram uma cerveja com limão e sal (ingrediente este adicionado na receita). 

Morada CDB Clube do Malte

Ingredientes: 

  • 300 gramas de grão de bico; 
  • 1 cerveja sour Morada CDB (355 ml); 
  • 2 colheres de sopa de tahine; 
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva; 
  • sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo: 

Cozinhe o grão de bico em 500 ml de água, na panela de pressão por 30 minutos. Em seguida, escorra toda a água e com o grão de bico ainda quente, bata no liquidificador com meia xícara da cerveja Sour, e o tahine, o azeite de oliva e uma pitada de sal e de pimenta do reino, até o ponto de pasta.

Dica do chef

  • A primeira dica é deixar o grão de bico hidratado na água antes de levar ao fogo, assim dobra o seu volume e necessita de menos tempo de fogo;
  • A segunda dica é levar a geladeira por no mínimo 15 minutos para resfriar e assentar a pasta. 
  • Sirva com um fio de azeite de oliva e pão sírio, bom apetite.

Tempo de preparo: 60 minutos 

Rendimento: 4 pessoas   

Dificuldade da receita: fácil 

Se interessou na cerveja sour? Só entrar no link e garantir a sua! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Escrito por Ana Paula Komar

Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!