• Assinatura Recorrente
  • Amargor
  • Característica
  • Cervejaria
  • Coloração
  • Embalagem
  • Estilo
  • País
  • PontoProduto
  • PrecoAssinante
  • PrecoInvestidor
  • Teor Alcoólico
  • Vantagem
  • Volume
  • Categoria
  • Marcas
Preço por

Cervejas Witbier: a refrescância do trigo e das cascas de laranja

Witbier é um estilo de cerveja belga que foi muito popular no século XVII na Europa, principalmente na região de Hoegaarden, na Bélgica. Apesar de ser relacionada com as Weissbiers, a Witbier é muito diferente das cervejas de trigo alemãs. Isso porque as alemãs seguem a Lei de Pureza, e seus limitados ingredientes, enquanto a cerveja Witbier conta com adjuntos na sua receita, tradicionalmente essas adições são de coentro e casca de laranja.

Por mais que o estilo fosse muito conhecido, ele perdeu sua popularidade no final da Segunda Guerra Mundial, nesta época a maior parte das cervejarias produtoras de Witbier foram fechadas e as Lagers tomaram a Europa. Mas em meados da década de 60, Pierre Celis, um leiteiro, que viveu nas proximidades de Hoegaarden e conhecia a receita original, resgatou a cerveja que tinha caído no esquecimento e fundou a cervejaria Hoegaarden. Na década de 80, Celis se mudou para os EUA, lá popularizou o estilo nas Américas, com a fundação da Celis Brewery e a produção da cerveja Celis White.

O estilo Witbier, também chamado de Bière Blanche e White Beer, é uma cerveja de coloração amarelo-palha e é indispensável que apresente alta turbidez. Tanto o aroma quanto o sabor apresenta notas de coentro e laranja e o amargor é baixo, quase inexistente. O principal rótulo deste estilo é a cerveja Hoegaarden Wit, que segue a receita original de Pierre Celis. Outro rótulo famoso é a cerveja Blue Moon, mas por ser um exemplar americano, ela é mais escura e apresenta uma acidez maior.

Cervejas Witbier

É uma ótima cerveja para os iniciantes no mundo das cervejas artesanais porque é leve, de baixíssimo amargor, e muito refrescante. Mas claro que há alguns rótulos que impressionam até os mais experientes desta jornada cervejeira.

Algumas das melhores cervejas witbier são:

Cerveja La Trappe Witbier:

A La Trappe é uma cervejaria neerlandesa, uma das 11 cervejarias do mundo autorizadas a usar o selo trapista. Em geral suas cervejas são fortes, compleax e de muita personalidade. A La Trappe Witbier é um pouco mais leve e amena, de características mais refrescantes. Apresenta aromas e sabores de coentros, cravo, banana e laranja. Uma cerveja de alta drinkability, capaz de impressionar qualquer um. Teor alcoólico de 5,5%.

Cerveja St. Bernardus Wit:

Uma legítima cerveja do estilo, a St. Bernardus Wit é uma cerveja refrescante e cítrica, com aromas florais e notas de maçã, e sabor de trigo, coentro, mel e cascas de laranja. Harmoniza muito bem comidas leves, como saladas, peixes, ricota e risotos. O teor alcoólico da cerveja St. Bernardus Wit é de 5,5%.

Bier Hoff Witbier:

Uma cerveja elegante, em um garrafa rolhada que mais parece um espumante, digna de grandes comemorações. A Bier Hoff Witbier é uma cerveja leve, com trigo não maltado e especiarias de coentro e cascas de laranja, assim como as clássicas witbier. É uma cerveja de alta drinkability, capaz de impressionar qualquer um. Seu teor alcoólico é de 5%.

Baden Baden Witbier:

Cerveja nacional e eleita a mulher do mundo pelo International Beer Challenge 2015, isso não é para qualquer um. A Baden Baden Witbier é muito saborosa, encorpada, com os sabores clássicos do estilo: o cítrico da laranja e o leve apimentado do coentro. Um must-drink para qualquer fã do estilo e de outras cervejas leves. Seu teor alcoólico é de 4,9%.

E aí, já escolheu a sua Witbier?

52 produtos
Ordenar por:

Ordenar por

Ordenar por:

    Filtrar por

    • Assinatura Recorrente
    • Amargor
    • Característica
    • Cervejaria
    • Coloração
    • Embalagem
    • Estilo
    • País
    • PontoProduto
    • PrecoAssinante
    • PrecoInvestidor
    • Teor Alcoólico
    • Vantagem
    • Volume
    • Categoria
    • Marcas
    • Faixas de Preço

    Cervejas Witbier: a refrescância do trigo e das cascas de laranja

    Witbier é um estilo de cerveja belga que foi muito popular no século XVII na Europa, principalmente na região de Hoegaarden, na Bélgica. Apesar de ser relacionada com as Weissbiers, a Witbier é muito diferente das cervejas de trigo alemãs. Isso porque as alemãs seguem a Lei de Pureza, e seus limitados ingredientes, enquanto a cerveja Witbier conta com adjuntos na sua receita, tradicionalmente essas adições são de coentro e casca de laranja.

    Por mais que o estilo fosse muito conhecido, ele perdeu sua popularidade no final da Segunda Guerra Mundial, nesta época a maior parte das cervejarias produtoras de Witbier foram fechadas e as Lagers tomaram a Europa. Mas em meados da década de 60, Pierre Celis, um leiteiro, que viveu nas proximidades de Hoegaarden e conhecia a receita original, resgatou a cerveja que tinha caído no esquecimento e fundou a cervejaria Hoegaarden. Na década de 80, Celis se mudou para os EUA, lá popularizou o estilo nas Américas, com a fundação da Celis Brewery e a produção da cerveja Celis White.

    O estilo Witbier, também chamado de Bière Blanche e White Beer, é uma cerveja de coloração amarelo-palha e é indispensável que apresente alta turbidez. Tanto o aroma quanto o sabor apresenta notas de coentro e laranja e o amargor é baixo, quase inexistente. O principal rótulo deste estilo é a cerveja Hoegaarden Wit, que segue a receita original de Pierre Celis. Outro rótulo famoso é a cerveja Blue Moon, mas por ser um exemplar americano, ela é mais escura e apresenta uma acidez maior.

    Cervejas Witbier

    É uma ótima cerveja para os iniciantes no mundo das cervejas artesanais porque é leve, de baixíssimo amargor, e muito refrescante. Mas claro que há alguns rótulos que impressionam até os mais experientes desta jornada cervejeira.

    Algumas das melhores cervejas witbier são:

    Cerveja La Trappe Witbier:

    A La Trappe é uma cervejaria neerlandesa, uma das 11 cervejarias do mundo autorizadas a usar o selo trapista. Em geral suas cervejas são fortes, compleax e de muita personalidade. A La Trappe Witbier é um pouco mais leve e amena, de características mais refrescantes. Apresenta aromas e sabores de coentros, cravo, banana e laranja. Uma cerveja de alta drinkability, capaz de impressionar qualquer um. Teor alcoólico de 5,5%.

    Cerveja St. Bernardus Wit:

    Uma legítima cerveja do estilo, a St. Bernardus Wit é uma cerveja refrescante e cítrica, com aromas florais e notas de maçã, e sabor de trigo, coentro, mel e cascas de laranja. Harmoniza muito bem comidas leves, como saladas, peixes, ricota e risotos. O teor alcoólico da cerveja St. Bernardus Wit é de 5,5%.

    Bier Hoff Witbier:

    Uma cerveja elegante, em um garrafa rolhada que mais parece um espumante, digna de grandes comemorações. A Bier Hoff Witbier é uma cerveja leve, com trigo não maltado e especiarias de coentro e cascas de laranja, assim como as clássicas witbier. É uma cerveja de alta drinkability, capaz de impressionar qualquer um. Seu teor alcoólico é de 5%.

    Baden Baden Witbier:

    Cerveja nacional e eleita a mulher do mundo pelo International Beer Challenge 2015, isso não é para qualquer um. A Baden Baden Witbier é muito saborosa, encorpada, com os sabores clássicos do estilo: o cítrico da laranja e o leve apimentado do coentro. Um must-drink para qualquer fã do estilo e de outras cervejas leves. Seu teor alcoólico é de 4,9%.

    E aí, já escolheu a sua Witbier?

    Ver mais... Ver menos...
    Você está no Beer Brokers. Ir para o Clube do Malte
    X