in

Cervejarias investem em sustentabilidade

Nós já publicamos por aqui sobre algumas atitude sustentáveis tomadas por cervejarias nacionais e gringas. Neste post trazemos mais duas cervejarias brasileiras que já colocaram em prática seus projetos de sustentabilidade.

Doktor Bräu

Uma dela é a Doktor Bräu, de Minas Gerais. A cervejaria instalou em sua fábrica 130 painéis de energia solar, que irá gerar toda a energia necessária para a produção e operação da cervejaria. São 3.000 m² de estrutura, dividida entre a planta produtiva, área administrativa, pub e estacionamento.

Segundo Nuberto Hopfgartner, um dos fundadores da Doktor Bräu, as instalações se pagarão em pouco mais de um ano, com uma economia de R$ 12 mil mensais referentes à conta de luz.

Cervejaria Octopus

Neste mês a cervejaria Octopus realizou um plantio de mudas a fim de reduzir o impacto ambiental de sua produção. O plantio ocorreu  na Serra do Gandarela, próximo a Belo Horizonte (MG). Com a ação a marca dá continuidade à prática de compensação ambiental às emissões de carbono durante a produção e distribuição de suas cervejas.

A equipe da Octopus, juntamente com o engenheiro florestal Diogo de Toledo, que auxiliou no plantio, irão realizar a manutenção das mudas plantadas durante os próximos meses.

O projeto Carbono Zero foi desenvolvido através da apuração da cadeia de produção da cervejaria, com auxílio da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e apoio da Flora Jr – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), por meio do qual foi desenvolvido um plano de compensação da emissão de carbono da cervejaria. Para isso foram calculadas quantas árvores deveriam ser plantadas para minimizar os impactos ambientais das atividades produtivas. Segundo a cervejaria o projeto deve ser atualizado anualmente de acordo com o aumento da capacidade de produção.

Além disso, a Octopus também realiza uma distribuição de semente e mudas. Essa ação acontece por dois meios:

  • Distribuidores e pontos de venda que se engajam ao projeto organizam eventos, com cervejas da Octopus, e lá são distribuídas as mudas de plantas gratuitamente a quem se interessar,  com informações sobre a espécie e instruções para plantio;
  • E também, quem adquirir a Old Black – a primeira cerveja envelhecida em barril de amburana – leva pra casa um saquinho com sementes de amburana.

No site cervejariaoctopus.com.br/somosmais você pode acompanhar o andamento de todos os projetos sustentáveis da cervejaria Octopus.

E você, conhece mais alguma cervejaria com iniciativas sustentáveis? Conta aqui pra gente nos comentários!

Deixe uma resposta

O QUE VOCÊ ACHOU?

Escrito por Ana Paula Komar

Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!

InicianteVisualizaçãoEscritorVotação

O estilo Scotch Ale, ou Wee Heavy para os íntimos

Beer Pack de fevereiro – Abadia tropical